NOTÍCIAS

Justiça manda soltar empresário condenado a 24 anos de prisão 06/07/2016
O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) concedeu liberdade provisória ao empresário Pablo Russel Rocha, condenado a 24 anos de prisão por arrastar e matar a garota de programa Selma Heloisa Artigas da Silva, conhecida como Nicole, em Ribeirão Preto (SP).

Na decisão liminar assinada nesta quarta-feira (6), o relator do caso, desembargador Péricles Piza, afirma que Rocha poderá recorrer da sentença em liberdade, uma vez que respondeu a todo o processo nesta condição e não ofereceu nenhum tipo de risco."Em liberdade respondeu o paciente ao processo e da r. sentença nada de concreto constou a justificar o restabelecimento da custódia cautelar, impossibilitando o apelo em liberdade, direito assegurado constitucionalmente e decorrente do princípio da presunção de inocência", diz o relator do caso.

Rocha foi transferido para a Penitenciária de Tremembé (SP) na segunda-feira (4), após passar três dias na cadeia de Santa Rosa de Viterbo (SP). Ele deixou o julgamento preso, na noite de 29 de junho, após ouvir a sentença proferida pelo juiz Giovani Serra Azul.

Quatro dos sete jurados consideraram Rocha culpado. Ele foi condenado por homicídio triplamente qualificado – por motivo fútil, sem chance de defesa e meio cruel.

Com informações do G1
FONTE: francanoticias.com.br

nossanoite.com.br - 2002 - 2015 - Todos os direitos reservados desenvolvido por Alsite