NOTÍCIAS

MP apreende documentos no pronto socorro de Franca 06/05/2016
O Ministério Público apreendeu ontem quinta-feira (5) lotes de fichas de atendimento em meio a uma ação civil pública contra irregularidades, como a falsificação de escalas de trabalho de médicos contratados por meio do Instituto Ciências Vida (ICV), no Pronto-Socorro "Dr. Álvaro Azzuz", em Franca.

A busca por documentos originais, que ocorreu na Secretaria Municipal de Saúde, na casa da secretária Rosane Moscardini, e no pronto-socorro, foi autorizada por uma medida cautelar expedida pela Justiça.De tudo que foi apreendido, um prontuário encontrado reforçou as suspeitas de fraude, segundo o promotor de Justiça Paulo Borges.

No processo ajuizado no final de 2015, Paulo Borges acusa a secretária de Saúde e o prefeito Alexandre Ferreira (PSDB) por dispensa indevida de licitação, uso de documentos falsos, postergação ilegal de contratos supostamente emergenciais, além de falta de fiscalização da Secretaria da Saúde e escalas de plantão forjadas no Álvaro Azzuz.

Uma das suspeitas do MP é de que um dos médicos que atuavam no PS preenchia fichas em nome de outros profissionais a fim de garantir que estes fossem remunerados mesmo sem terem atuado nos plantões. A prática teria sido adotada em 2014. Em dezembro do ano passado, a Justiça determinou que a Prefeitura entregasse as fichas, mas, segundo o Promotor, isso não aconteceu.

FONTE: francanoticias.com.br

nossanoite.com.br - 2002 - 2015 - Todos os direitos reservados desenvolvido por Alsite