NOTÍCIAS

Mandante de crime se apresenta a Polícia e nega envolvimento 09/03/2016
O homem apontado como mandante do crime contra o taxista Marcio Antonio dos Santos de 40 anos, no mês de fevereiro, se apresentou na tarde de ontem na Delegacia de Investigações Gerais (DIG), o também taxista EDS, negou a participação no crime, mas confessou que conhecia os comparsas que foram presos e chegou a afirmar que deu carona aos executores de Marcio logo após o crime. 

Pelo apurado pela polícia,  EDS teve um desentendimento com o proprietário da central de táxi, onde Marcio Antônio trabalhava. Revoltado, o taxista armou um assalto onde a intenção era de roubar o dinheiro do taxista e atear fogo no carro da empresa. Para executar o crime, EDS contratou dois indivíduos que na tarde de 8 de fevereiro, chamaram o taxi de Marcio e obrigaram o motorista a dirigir até a Rodovia Rio Negro e Solimões, onde ele foi morto a tiros. 

Ao serem presos, os autores do crime afirmaram que mataram Márcio porque ele teria reagido ao assalto. O taxista EDS estava com um mandado de prisão expedido pela justiça e por isso após o depoimento, foi recolhido a cadeia de Batatais. 

FONTE: francanoticias.com.br

nossanoite.com.br - 2002 - 2015 - Todos os direitos reservados desenvolvido por Alsite