Dia Mundial do Circo - 27/03/2018 - Terça-Feira

Nesta terça-feira 27 de março é comemorado o dia mundial do circo e os palhaços Patati e Patatá aproveitaram que estão com o circo no Via Parque, zona oeste do Rio e foram ao Cristo Redentor e receberam a benção do padre Omar.
A visita da dupla de palhaços foi uma surpresa para os turistas que subiram ao corcovado para conhecer a estátua do Cristo e ver do alto a cidade maravilhosa.
O Padre Omar, que é reitor do Santuário do Cristo Redentor do Corcovado, fez uma oração com os fieis , agradeceu a presença da dupla no Dia Mundial do Circo.
A escolha da data foi em homenagem ao palhaço Abelardo Silva, que ficou conhecido como Piolim, essa é a data de seu nascimento. Piolim era filho de circenses e cresceu no meio dessas artes, iniciando sua carreira com contorcionismos e acrobacias.
Abelardo Silva participou de vários espetáculos, mas o que lhe deu o apelido de Piolim foi o contato com artistas espanhóis, que o chamavam de barbante (piolin na língua espanhola), por ser muito magro e ter pernas compridas.
O palhaço ficou conhecido mundialmente, recebendo homenagens como exemplo de artista popular pelos criadores da Semana de Arte Moderna, realizada em 1922.
Os circos surgiram em Roma, no século III a.C, onde aconteciam espetáculos de corridas, lutas entre gladiadores ou desses contra animais, e jogos de ginástica. O mais conhecido era o Circo Máximo, que recebia 150 mil pessoas em um único espetáculo.
Os circos sempre se utilizaram dos animais para dar mais graça às suas apresentações, porém, hoje em dia, por lei,  vários circos aboliram esses costumes, pois ferem os princípios morais dos homens em respeito à natureza.
Os espetáculos dos circos modernos estão voltados para os desafios do próprio homem, a superação dos limites e outras formas de agradar o público.
Fotos de Cleomir Tavares/Divulgação


nossanoite.com.br - 2002 - 2015 - Todos os direitos reservados desenvolvido por Alsite